Quando vamos voltar treinar em Parques e Academias?


Todos estamos com a vontade de voltar aos nossos negócios, nas faculdades, nos lugares de lazer e nos nossos treinos "normais", tal como eram antes de Fevereiro do 2020. Porem, infelizmente a Pandemia está longe de acabar, e se já temos 4.000.000 de infectados no Planeta, dos quais 300.000 almas não tem resistido essa luta, ainda podemos ter dobradas essas cifras nos próximas meses.


O isolamento e o distanciamento social tem mostrado ser a estratégia mais efetiva por enquanto. Se tudo reabrisse hoje sem restrições, daríamos ao vírus suficiente gasolina para ele continuar se multiplicando. É obvio que todos queremos e precisamos que a vida volte a normalidade mas como disse o professor Erin Bromage (Imunologista e Biólogo da Universidade de Massachusetts Darthmouth), se não arrumarmos primeiro a Biologia, a Economia não vai se recuperar.


Então, vamos a fazer um análise do que o Professor Bromage postou no seu Post do dia 07 de Maio (www.erinbromage.com/post). Ele diz que para você ficar infectado, você precisa de uma "dose" de partículas do vírus. Baseados no contágio de outros coronavírus, bastariam umas 1.000 partículas do vírus para se contagiar. Isso pode acontecer numa inspiração de 1.000 partículas ou em 10 inspirações de 100 partículas ou até em 100 inspirações de 10 partículas. Basta só que essas 1.000 partículas entrem no corpo (pela nariz ou outra mucosa).


Vamos entender como é isso de inspirar partículas de um vírus. Eu vou dar um exemplo bem simples. Se num salão de aulas alguém que esteja sentado no outro extremo do salão abrisse um potinho de perfume, mais cedo ou mais tarde, você vai perceber aquele cheiro do perfume. Isso porque as partículas voláteis do perfume ficam no ar do salão se espalhando por todo o espaço. Bom, resulta que os vírus são tão pequenos, que conseguem ficar flutuando no ar. Dependendo do tamanho das gotas de saliva do portador do vírus, essas partículas caim no chão em tempos variáveis, desde poucos segundos até algumas horas.


Segundo o Professor Bromage, numa espiração de esforço normal de uma pessoa infectada podem ser espalhadas umas 50-500 partículas de vírus, que saim com pouca força e por tanto, muitas das partículas caem no chão. Porem pela tosse, podem ser espalhadas umas 3.000 partículas de vírus que viajam numa velocidade de 100 km/h. A maioria delas vai cair no chão (ou em outras superfícies) e alguma vão ficar flutuando no ar preenchendo todo o espaço de um salão fechado.


Um espirro pela sua vês pode espalhar umas 30.000 partículas, viajando numa velocidade de 400 km/h, e ao contrário da tosse, no espirro as gotinhas são mais pequenas e a maioria vai ficar no ar mas tempo.


Uma pessoa infectada num salão pode espalhar através da tosse e o espirro umas 200.000.000 partículas numa hora.


Que aconteceria se estivermos batendo um papo tranquilo com uma pessoa infectada?


Se ela tossir ou espirrar na frente do nosso rostro, e fácil prever que vamos inalar as 1.000 partículas potencialmente contaminantes. Ainda se a pessoa tossir ou espirrar numa outra direção, se estivermos num lugar fechado poderia ter suficientes partículas de vírus preenchendo o ar e as possibilidades de contágio ainda seriam altas. E se a pessoa não tossir ou espirrar, pela sua respiração normal poderia expelir aquelas 50-500 partículas. Se o bate papo é longo o suficiente, também podemos ficar acumulando a "dose" necessária de infecção.


Segundo os análises de seguimento dos casos de contágio, quase 50% deles tem acontecido por pacientes assintomáticos. Vamos entender esto. A carga viral (contagem de vírus no corpo) máxima é alcançada nos primeiros dias de ter sintomas. É disser, nos dois ou três dias que antecedem os primeiros sintomas você já tem quase a sua carga máxima e é super contagiante.


Que lugares seriam mais perigosos em termos de probabilidade de contágio? Aqueles lugares fechados e lotados de pessoas, como reuniões sociais ou reuniões de trabalho, banheiros públicos (porque tem muitas superfícies que as pessoas solem tocar), salões de aula, igrejas, restaurantes lotados, empresas com muitos empregados que pelas suas funções fiquem perto uns de outros, hospitais ou outros centros de saúde que recebem pacientes contaminados. No geral, quanto mais fechado, mais lotado e menos ventilado, maior a probabilidade de contágio.


E agora falando dos lugares de treinamento, quando é que vamos voltar treinar em parques e academias?


Comecemos dizendo que durante uma sessão de exercício, a demanda de oxigênio aumenta e com ela aumenta a frequência respiratória e a profundidade das inspirações e espirações. Por tanto, uma pessoa com o vírus se exercitando poderia ficar espalhando mais quantidade de partículas. Se estivermos num lugar fechado, com pobre circulação do ar, com muitas outras pessoas, a probabilidade de contágio aumentaria. Em ambientes abertos, ventilados e baixa concentração de pessoas, a probabilidade é menor.


De aí que se numa Academia conseguirem manter um número controlado de atletas, mantendo o lugar bem ventilado, com sessões de exercício curtas, tomando todas as medidas de higienização e controle de acesso, e com o uso de máscaras para diminuir a quantidade de partículas no ar, poderiam ser minimizados os riscos de contágio. Os treinos nos parques e outros lugares abertos, se tomarmos os mecanismos de higienização mínimos e evitarmos as reuniões de várias pessoas, as possibilidades são bem menores. Sabemos de muitas academias que já têm apresentado às autoridades planos para uma reabertura segura.


Em outros países algumas academias têm feito algumas mudanças muito interessantes para garantir a segurança dos seus alunos. De uma olhada nesse link https://www.agenciasinc.es/Reportajes/El-coronavirus-es-un-ser-vivo


Nós somos uma parte importantíssima nesta equação. Se nós usarmos a máscara, tomarmos a sério a higienização, evitarmos reuniões, ficarmos o tempo justo do treino, e se ficarmos em casa quando tivermos suspeita de ter sido contagiados ou com os primeiros sintomas, todos vamos ficar mais seguros.


O que não é justo é pensar que as Academias têm que ficar fechadas até ter uma vacina contra o vírus e permitir a reabertura de restaurantes e lojas, porque simplesmente vamos acabar com esse serviço que é essencial para a saúde física e mental.


Se quiserem dar uma lida ao Post do Profesor Bromage, aqui deixo o link:

https://www.wral.com/coronavirus/erin-bromage-virus-spread-particles-droplets/19094009/


Se você gostou do artigo, se quiser nos dar sua opinião, ou se simplesmente quer se comunicar conosco, pode nos contatar no site www.42ksuplementos.com.br, no nosso e-mail comercial@42ksuplementos.com.br ou nossos whatsapp (41)995323434.



13 visualizações
0

42k Suplementos Nutricionias LTDA

CNPJ 22.632.989/0001-99

Rua Odete Laura Foggiato 360 CEP 82630040 Curitiba, PR. Brasil S.A.C (41)995323434

Todos os pedidos são postados nos correios num prazo máximo de até dois dias úteis.